[Desafio Livrada 2015] As bruxas, de Roald Dahl

Num primeiro momento eu havia escolhido o segundo livro da trilogia do Mundo da tinta, Sangue de tinta, da Cornelia Funke para ler na categoria literatura infanto-juvenil do Desafio Livrada 2015.
Mas pensei melhor e resolvi trocar. Infelizmente a biblioteca onde trabalho não possui a obra (mas já coloquei na lista de sugestões de compra) e acabei comprando-o na minha última viagem para São Paulo.

Trata-se do livro As bruxas, de Roald Dahl.
Que livrinho gostoso de ler!
Meu primeiro contato com essa obra foi através do filme A convenção das bruxas (1990), dirigido por Nicolas Roeg.
Era um filme que passava direto na Sessão da tarde e me deixou bem impressionada na época que eu assisti.
Eu era bem criança, então não sei dizer se o filme é realmente bom. Mas ficava apavorada com a aparência das bruxas e imaginando se eu me transformaria num rato também se eu comesse aquelas barras de chocolate que pareciam tijolinhos.
Até então, eu nem fazia idéia de que esse filme era baseado num livro.

Aí relembrei partes da histórias e conheci outras quando fiz o curso de inglês do Kumon, num dos bloquinhos dos estágios mais pro final (G, I? Não lembro).
O bloquinho em questão traz o capítulo 2 do texto original, e você conhece a história de 5 crianças que foram vítimas das terríveis bruxas de verdade.
Aliás, a julgar pelo inglês do capítulo 2, me parece um livro bem fácil para ler no idioma original se você tem um inglês intermediário.

Mas vamos contar um pouco da história 😀
O livro é narrado em primeira pessoa por um garotinho sem nome. Logo no início ele disserta sobre como as bruxas são parecidas com mulheres comuns com a única diferença que odeiam crianças com um ódio profundo e mortal, e como é praticamente impossível descobrir uma bruxa de verdade.
Então o narrador nos conta que antes dos 8 anos de idade ele teve 2 encontros com bruxas. Da primeira vez ele saiu ileso. Mas da segunda vez ele acabou sendo pego.
A maior professora sobre bruxas que ele teve foi a sua avó materna. Ela lhe ensinou que as bruxas tem várias peculiaridades físicas e que juntando todos esses detalhes você consegue descobrir se a mulher é uma bruxa ou não.
A história toda do livro conta como o menino foi pego pelas bruxas e armou um plano contra elas junto com sua avó.
Mas meu capítulo favorito é o segundo, quando a avó conta como as 5 crianças foram vítimas das bruxas.
A primeira delas foi Ranghild Hansen, que foi levada pela mão por uma mulher de luvas brancas e nunca mais foram vistas.
A segunda criança foi Solveg Christiansen que depois do dia que comeu uma maçã dada por uma senhora bondosa sumiu da sua casa e foi reaparecer dentro de uma pintura que ficava na sala de estar. Ela estava lá como uma pintura. Mas cada dia estava num local diferente do quadro e conforme os anos foram passando, Solveg também foi envelhecendo até sumir completamente (ou morrer?).
A terceira foi a menina Birgit Svenson, que um dia percebeu que estavam nascendo penas no seu corpo e depois de um mês tinha virado uma imensa galinha branca.
O quarto era um menino chamado Harald e que foi transformado em pedra.
A última criança foi um menino chamado Leif que foi transformado num golfinho.
Enfim, bruxas muito criativas hahahaha

Eu esperava um pouco mais do final. Não sei explicar o que, mas acho q estava com uma expectativa muito alta hehehe

Recomendo a leitura! Um livro bem rapidinho 🙂

Li em cerca de 3 horas.
2 livros de 15. Só faltam 13 agora hahahaha

Roald Dahl tem vários outros livros infanto-juvenis que também viraram filmes. Aí dá pra ler os livros e enquadrar em duas categorias hauhauhau
Talvez eu use esse cheat quando estiver com as metas todas no limite hahahah
Outros livros do autor que também viraram filmes: Matilda, O fantástico sr. Raposo, A fantástica fábrica de chocolate, James e o pêssego gigante.

Anúncios
1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: